sexta-feira, 3 de julho de 2009

Conheça São Paulo! Zoológico de SP

Tem gente que acha que ir ao zoológico é coisa de criança. Quem fala isso obviamente não conhece o Zoológico de SP. Localizado numa área de 824.529 metros quadrados de mata Atlântica original, o zoo possui um lago enorme e abriga muitas espécies de aves (inclusive migratórias) e animais. Falando em números, são 3200 animais em exibição, sendo 102 espécies de mamíferos, 216 espécies de aves, 95 espécies de répteis, 15 espécies de anfíbios e 16 espécies de invertebrados. Mas só de falar, não dá pra passar a dimensão do que é o zoo. Os animais ficam em jaulas grandes, espaçosas que imitam muito bem o seu habitat natural. Alguns recintos são tão camuflados que a gente até pensa que o bicho vai sair andando de lá, a qualquer momento. Na verdade, na região do lago não existem grades e as aves podem entrar e sair à vontade. Inclusive eu cheguei a ver aves roubando, sorrateiramente, a ração de outros animais.

O zoológico foi criado em 1957 e recebe, em média, 1.600.000 visitantes por ano. No zoo, pode-se fazer um passeio a pé pelos recintos dos animais ou pode-se dar um passeio em uma das lindas jardineiras que existem no parque. Existem vários animais da mesma espécie, mas nem todos são exibidos juntos. A maior parte dos animais "descansa" numa parte privada do zoo após um dia de exibição. Essa rotação permite que os animais tirem uma "folga" da visita dos seres humanos! No zoo acontecem projetos em conjunto com a USP, o Instituto Butantã, Instituto Adolfo Lutz, entre outros. As visitas podem ser monitoradas (inclusive visitas especiais para pessoas com deficiências) e é muito comum encontrar várias turmas de colégios aprendendo um pouco mais sobre os animais. Hoje já existe a visita noturna, com um preço um pouco salgado, mas que é feito com lanternas para que se possa observar os animais de hábitos noturnos.

A equipe do zoológico é enorme e os animais podem contar com atendimentos clínico, cirúrgico e odontológico. Além disso, a alimentação dos bichinhos é controlada e existe uma fazenda em Araçoiaba da Serra que produz cerca de 1000 toneladas de alimento por ano.

Passear no zoológico é se perder no meio de tantas coisas curiosas, de tantos animais exóticos! Quando estive por lá, presenciei uma onça pintada mergulhando e nadando pra lá e pra cá, um urso bundudo pendurado num galho, o maior "crocodilão" DO MUNDO (na verdade um "Gavial da Malásia"), uma jaguatirica que desfilava para o público, um pato obsessivo-compulsivo que não parava de me seguir, um tamanduá que dormia que nem um gato enrolado, vários macacos que se estapeavam e muitas... mas muitas outras coisas.

Outra opção no zoo é fazer o passeio "Zoo Safári". Existe uma parte do parque em que os animais estão soltinhos da silva e é preciso passear dentro de carros. É como se fosse um mini-safári mesmo.

O Zoológico de São Paulo é um passeio para um dia inteiro. Além das várias lanchonetes, o parque possui áreas para piquenique e uma lojinha de souvenirs. É um passeio muito legal e que vale muito a pena para adultos e crianças.

OBS1: Para quem não vai de carro, existe uma van do zoo que faz o trajeto Zoo - Rodoviária do Jabaquara (que é associada ao metrô).

OBS2: Clique nas fotos para ver as imagens ampliadas!

1 comentários:

fabiomiyazaki disse... [Responder comentário]

eba vam visita o zoo
me lembra jurassic park
aheuhaeuhaea

Related Posts with Thumbnails