sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Hélton, Ester e Luísa - Uma história de vida!

Esse post é uma homenagem. Durante a minha estada na UFMG, como estudante de Biologia e como mestranda do Departamento de Bioquímica, tive a chance de conhecer muita gente boa e de fazer muitos vínculos duradouros. De todas as pessoas com quem convivi lá, com certeza uma das mais marcantes foi o Hélton, médico e alguém que se tornou um bom amigo de laboratório. O Hélton é uma dessas pessoas raras, que trabalhava incansavelmente, era um modelo de cientista e que ainda assim arrumava tempo para ajudar nos experimentos de muita gente, inclusive nos meus inúmeros e repetitivos testes com a substância que eu pesquisava. O Hélton tinha um humor sensacional, sempre com tiradas ótimas sobre tudo, sempre contagiando todo mundo ao redor. O Hélton era uma referência, já como aluno de Doutorado. E por fim, o Hélton tinha uma esposa encantadora, a Ester. Eles eram assim, uma espécie de casal 20!

Meus tempos de mestrado já se foram há muito. Depois disso larguei a Ciência por um período, trabalhei em escolas, faculdades, em uma empresa e agora estou aqui na USP. O meu contato com o casal cessou. Fora algumas mensagens enviadas pelo Orkut na época dos aniversários a gente pouco se falava. Eu só sabia que os dois haviam terminado o doutorado e mudado para os Estados Unidos, ambos como pós-docs. Pouco tempo atrás vejo uma atualização do orkut. Era um vídeo postado pelo Hélton que dizia: Esse vídeo é em agradecimento a Deus pela vida de Luísa Roffê Santiago. Fui lá assistir e o que vi alí mexeu muito comigo. Resumindo uma história bem longa, os dois tentavam ter um filho há bastante tempo, mas não conseguiam. Fizeram vários testes e descobriram que ambos apresentavam certas condições que praticamente impediria a vinda de uma criança pelos meios naturais. O que eu ainda não contei é que os dois são pessoas de fé. Mas de fé MESMO. E enfrentaram um processo extremamente doloroso de fertilização in vitro. Eles tinham 3 chances para conseguir o seu bebê. As duas primeiras tentativas não deram certo. Só restava mais uma. A pressão era enorme, o medo de tudo desandar era gigantesco. Mas antes da última tentativa a Luísa veio. De uma fecundação natural, sem interferência médica. Essa história é simplesmente maravilhosa e me fez ficar horas com tudo aquilo na cabeça. É algo que vale MUITO a pena ler e que faz a gente pensar sobre nossos próprios limites. É uma lição de vida! A história completa e detalhada, escrita pela Ester, está nesse endereço: http://rose_rj.e-familyblog.com/note/4653/hist%C3%B3ria-de-sucesso-ester-gravidez-natural.html. (Enxuga os olhinhos)

A Luísa é fofa! Agora ela ainda não tem noção dos pais maravilhosos, iluminados, admiráveis que tem. Mas ela é uma criança de sorte!

Abaixo o vídeo dela, que os pais fizeram, em agradecimento a Deus:



E para a Ester e o Hélton eu deixo um abraço enorme! Do tamanho do Mundo inteiro (e mais um pouquinho!). A história de vocês inspira esperança em cada um que a lê. E fica óbvio que desistir não é uma opção. Nunca!

4 comentários:

Eduardo Loureiro Jr. disse... [Responder comentário]

Essa foi pra testar o coração, Ana. Linda história!

Vini disse... [Responder comentário]

(Enxuga os olhinhos)[2]

Cristiane disse... [Responder comentário]

É hoje! E você sumiu...

Sara disse... [Responder comentário]

Gostei muito muito muito! O importante é naunca perder a FÉ!!!! Beijo

Related Posts with Thumbnails