sábado, 27 de novembro de 2010

É mais forte do que eu!


Sempre acabo perdendo quando a luta é contra a vontade LOUCA de comprar novos livros. Eu não dou conta de ler todos os livros novinhos que estão sentados na minha estante, esperando a vez de "acontecerem". Ainda assim eu não consigo perder a oportunidade de colocar mais unzinho na pilha. Duas semanas atrás me disseram que uma feira de livros MUITO BOA ia acontecer na FFLCH - USP, onde tudo estaria com, pelo menos, 50% de desconto. Bom, o prédio das faculdades de Geografia e História é do lado do meu, pensei então que iria até lá, sem compromisso, dar uma olhadinha. Mas por dentro, eu já sabia. Eu conheço a fera que mora aqui. É como "O Médico e o Monstro", eu posso até fingir que sou uma pessoa normal, mas em livrarias, bibliotecas e feiras de livros, principalmente em época de promoções, eu me transformo na "leitora doida-varrida". Fui 4 vezes à feira. Tinha tanta gente, mas TANTA GENTE, que da primeira vez eu nem consegui ver muita coisa. Da segunda vez (no mesmo dia à noite) eu me enfiei na muvuca e insisti tanto que consegui chegar perto das bancas de livros. Eu estava até feliz, já que não posso gastar muito dinheiro e não estava achando coisas que seriam "absolutamente essenciais" para a minha vida. Tinha muita coisa linda. Livros de arte super baratos, livros infantis maravilhosos, livros didáticos, mas literatura que me chamasse a atenção o suficiente para eu abrir a minha mão-de-vaca eu não tinha ainda encontrado. Para não sair decepcionada, comprei 3 livrinhos de bolso, bem baratinhos, coisas que eu sempre quis ler, mas nunca teria comprado se fossem caros: O Mágico de OZ - L. Frank Baum, A Cidade e as Serras - Eça de Queiroz, A Moreninha - Joaquim Manuel de Macedo (esse aí foi do fundo da lista de livros essenciais do colégio kkk). 

Quando já pensava em ir embora resolvi dar mais uma voltinha, em meio a tanta banca de livro. Foi aí que aconteceu. Vi um daqueles manuais coloridos e divertidos da série Jornada nas Estrelas. Parei para olhar, porque achei engraçado. Quando olho para o lado, lá estavam eles. Livros que eu sempre quis ler, livros que nem todo mundo gosta, mas eu AMO, livros de geek mesmo. Lado a lado eram exibidos VÁRIOS livros do Isaac Asimov, que é simplesmente um dos maiores gênios do Sci-Fi e literatura "futurista". Foi ele quem escreveu "Eu, Robô" e é dele uma das Trilogias mais famosas que existem: a "Trilogia da Fundação". E lá estava ela! Os 3 livros LINDOS reeditados, num box LINDOOO!! E em promoção!! Comecei a suar frio! Um box como esse é caríssimo, mas estava ali por 50% de desconto. Fiz um esforço para pensar furiosamente numa desculpa para comprar aqueles livros. Encontrei uma facilmente (a gente sempre encontra desculpas para fazer algo que quer!). Lembrei que meu pai é um fã do Asimov e também associei ao fato de que o Natal está chegando e que esse seria um bom presente (mas a verdade é que eu nem sei se ele já leu essa trilogia!)! Não pensei mais de uma vez. Paguei e agarrei os livros como se a minha vida dependesse daquilo. Atrás desse estava um livro que eu SEMPRE QUIS LER: Laranja Mecânica - Anthony Burgess. Simplesmente o livro que inspirou o filme, que é uma obra prima! Também considerado um dos 100 melhores romances em língua inglesa do século 20. E SUPER barato! Do ladinho dele estava outra obra que eu SEMPRE QUIS LER: Duna - Frank Herbert, Praticamente de graça! E Duna é um clássico tão antigo e famoso que outros autores que estão na minha lista de "semi-deuses" como Arthur C. Clarke, já deram sua opinião afirmando que esse é um livro só comparado ao "Senhor dos Anéis". Pronto, recomecei a suar frio. A cabeça não pensava direito, a mão coçava segurando o cartão de crédito. Para piorar a situação, o cara ainda pergunta se eu já li um livro chamado Neuromencer! AAAAA MEU DEUS! Neuromancer é um livro antigo (foi lançado há 25 anos) que conta a história que inspirou o filme "Matrix". Eu amei Matrix! Como não querer ler esse livro? Saí correndo dali, tropeçando nas pessoas, empurrando todo mundo e fui para casa. Obviamente não adiantou. A feira ainda durou mais 2 dias. Do ladinho de onde eu trabalho. Fui lá mais duas vezes, cada uma das vezes eu comprei alguns dos livros citados acima. Agora estou eu aqui, com essas 9 novas aquisições no colo, pensando em quais devo levar para os meus pais lerem! Mas o maior alívio é: ainda bem que a feira acabou! Senão eu corria o risco de não ter dinheiro pro aluguel!

1 comentários:

Bia disse... [Responder comentário]

Tb amooo ler, nada melhor!!! Ler e viajar. Nas minhas viagens sempre tenho um livro na bolsa pra passar mais rapido as horas de voo...

Related Posts with Thumbnails