quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Fim de Caso

Querida Pós-Graduação,

Está tudo "quase" acabado entre nós. Não sou eu, é você. Eu te culpo por ter acabado com meus sonhos utópicos científicos e ter me tornado uma pessoa nua e crua. Quando eu te vi, pela primeira vez, ahh... aquele vislumbre já me enchia de energia, de emoção, de um desejo altruísta de salvar o mundo! E hoje eu só quero chegar ao fim do mês com um grau modesto de sanidade e as contas pagas. No começo, tudo eram flores. O status de "pós-graduanda", a imponência do título de "Doutora", o orgulho de fazer parte da nata de estudantes que chegaram ao seu máximo educacional, tudo isso contribuiu para a minha súbita paixão... inconsequente, eu diria, dessas que faz a gente prometer 4 anos das nossas vidas (no mínimo) e mais de 40 horas de trabalho semanal por uma reles bolsa de estudos, dessas que é preciso vender o almoço para pagar a janta. Mas eu te aceitei, de braços abertos e perdidamente embriagada pela idéia de Você. Quanta ingenuidade! Com o passar dos dias, semanas e anos eu percebi que o mundo não seria salvo... não pelo meu doutorado, mas o meu mundo, ahh, este sim, ficaria revirado, como ficam as cidades despreparadas após as grandes catástrofes. Sim, porque eu eu acreditei em você. E, é triste constatar, você mente! Me iludiu com suas falsas promessas de artigos, experiências que dariam certo nas primeiras tentativas, hipóteses que seriam metodicamente refutadas ou aceitas pelo método científico, congressos maravilhosos, onde eu poderia apresentar todos os meus esforços compensados e a certeza de um prêmio Nobel... Você MENTE! A verdade nua e crua é que você se esconde atrás de uma falsa imagem de glamour, quando na verdade não passa de uma armadilha para os ingênuos e de boa fé, como eu. Quando nos damos conta, temos 30 anos de idade, quase nenhum artigo publicado, infinitos gráficos que não nos dizem nada e resultados pífios, mas ainda assim obtidos após semanas inteiras sem dormir. Por que ninguém é o mesmo que era, depois de uma pós-graduação. Reparamos que os dias não são tão alegres, na verdade são bem cinzas e frios ou quentes demais; percebemos que a Ciência não é mais tão palatável quando repetimos o mesmo experimento pela octagésima nona vez; aprendemos a ser verdadeiramente humildes, não por opção, mas pela falta dela... fato que fica evidente pela pindaíba generalizada apresentada por exércitos de pós-graduandos pelo mundo afora. Você MENTE! E também corrompe! Da candidata a doutoranda esperançosa e cheia de planos eu me tornei a quase-doutora sádica, que acha normal ver um estagiário levando ferro num experimento, só pra provar que eu não sou a única azarada nesse mundão de meu Deus, mas que todos estamos condenados. Assim como eu, milhares de outros pós-graduandos, já surrados e desestruturados, se escondem atrás de uma máscara de felicidade superior, como se fôssemos seres elevados, só para atrair mais gente pra pesquisa e nos sentirmos vingados em te ver destruindo a vida de cada um deles... O nosso caso, pós-graduação, está perto de um fim. Ainda falta um ano: fevereiro de 2012, mas os dias estão sendo contados avidamente! E que fique claro... a culpa não é minha.. é sua! E, mais uma vez, repito: VOCÊ MENTE!

PS: Querido doutorado, foi só uma brincadeirinha! Você sabe que eu te amo um tantão e que te escolheria mil vezes de novo, né? Por favor, não se vingue de mim! Eu fui obrigada por ETs-besouros a escrever esse texto abominável, mas você sabe que é o meu xodó, né? Te adoro, lindão!

Figura: PhD Comics

2 comentários:

Karen disse... [Responder comentário]

Quase chorei nessa parte: "Quando nos damos conta, temos 30 anos de idade, quase nenhum artigo publicado..."...triste realidade!

Tatiane disse... [Responder comentário]

Ana, a Pós-graduação é um daqueles amores que acabam com sua auto-estima...mas após se relacionar com um fatídico Doutorado você se torna um ser-humano diferente...de modo que sempre, no matter what, sentirá falta da época em que estavam juntos...pergunte a qualquer Doutor por aí que desistiu da ciência....

Related Posts with Thumbnails